Lula aceita convite de Dilma e assumirá Casa Civil

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva aceitou nesta quarta-feira (16) o convite da presidente Dilma Rousseff e assumirá a Casa Civil.

O acerto foi fechado em reunião no Palácio da Alvorada, que teve as presenças também dos ministros Nelson Barbosa (Fazenda) e Jaques Wagner, que deixará o comando da Casa Civil e deve assumir a secretaria-executiva da pasta.

A informação foi dada pelo líder do PT na Câmara, Afonso Florence (BA), e pelo líder do governo na Câmara, José Guimarães (PT-CE).

O ex-presidente se encontrou com Dilma e Wagner para tomar um café na manhã desta quarta.

A nomeação deverá ser acompanhada da entrada de um time no governo Dilma, uma condição imposta por Lula para aceitar o convite da presidente e assumir uma pasta do governo.

Entre os nomes que Lula gostaria de levar para o governo está o de Celso Amorim para Relações Exteriores. Não está descartada a substituição de Aloizio Mercadante, na Educação. Outros nomes, como o de Ciro Gomes, são ventilados por petistas.

Nas conversas, Lula alega que de nada valerá sua chegada ao governo sem a montagem de uma equipe que sinalize para mudanças, inclusive na política econômica.

Esta última condição que seria apresentada por Lula preocupa não só o mercado como interlocutores do ex-presidente no empresariado, pelo receio de demandar medidas como venda de reservas internacionais, queda forçada dos juros e liberação de mais crédito na economia.

Uma guinada na condução política do país justificaria sua presença na Esplanada dos Ministérios e afastaria a tese de que só pretenda escapar da prisão, já que ministros têm prerrogativa de foro privilegiado.

FONTE – Folha de São Paulo

4 comentários sobre “Lula aceita convite de Dilma e assumirá Casa Civil”

  1. O povo reclama da corrupção, mas esse mesmo povo é o culpado em boa parte: manifestação em Maceió… Eles elegeram Collor de Mello e Renan Calheiros. Maranhão manteve à família Sarney no poder por mais de 40 anos. Na Bahia só não está Antonio Carlos Magalhães e filho porque já faleceram. Minas Aécio Neves 3 vezes citado na Lava Jato. Rio de Janeiro Eduardo Cunha, agora Edison Lobão, Sarney…Um país que todos são citados e ex – presidentes também na Lava Jato: Dilma, Lula, FHC e Collor. Os péssimos estão porque os bons ou considerados bons não querem participar (candidatar-se), é o mesmo que reclamar e não ter solução. Porque assim, estarão sempre os mesmos. O Pé de queijo e Alberto só falam em prisão de Lula quero ver quando for a vez do Edison Lobão se irão dizer o mesmo,todos sabem o por quê… Duvidoooooo.

Deixe uma resposta