PLANTÃO COM 2 MORTES – Suspeito de assalto morre em confronto com a PM de Codó

Duas mortes violentas foram registradas ontem (21) em Codó, uma dela envolvendo troca de tiro entre a Polícia Militar e suspeitos de assalto na estrada da Colônia (ponte do Codozinho).

Por e-mail enviado ao blog, a PM fez o relato  da situação:

“Por volta das 16h30 deste sábado, a equipe da Força Tática de Codó foi acionada para atender ocorrência de roubo à pessoa na ponte da estrada vicinal que liga Codó à fabrica de cimento. Segundo o solicitante dois indivíduos estariam armados de garrucha assaltando e cobrando pedágio das pessoas na ponte do Codozinho…

…Quando a Polícia Militar abordou os indivíduos foi recebida a tiros e reagiu de maneira proporcional atingindo o indivíduo Nilson Damasceno Brandão, assaltante e membro da gangue do próprio irmão, o também assaltante conhecido como “De Bolo” que encontra-se preso no presidio de Codó…

….O corpo de Nilson foi levado ao Hospital Municipal de Codó, mas deu entrada em óbito”, informa o e-mail.

No mesmo comunicado, também há um esclarecimento sobre a posição da PM.

“O Major Jurandy esclarece que a função constitucional da Policia Militar é a preservação da vida. A agressão à guarnição resultou na morte do agressor por uma reação proporcional e sem excessos dos policiais”, conclui

ASSASSINATO NO CODÓ NOVO

Outro assassinato também foi registrado ontem (21) por volta das 11h45 no bairro Codó Novo, Trav. do Sol.  A vítima WALTER DOS SANTOS MACHADO, de 34 anos, foi alvejado por 3 tiros (no braço, na perna e o fatal na cabeça).

Fotografia da Identidade de Walter (por Sena Freitas)
Fotografia da Identidade de Walter (por Sena Freitas)

De acordo com o repórter policial Sena Freitas, que esteve no local e também falou com o delegado Zilmar Santana, o pedreiro pode ter sido vítima de crime de encomenda por estar envolvido com uma mulher, de quem recebia ‘cantadas’ havia 2 anos. A Polícia Civil trabalha com a hipótese de crime passional motivada por ciúmes.

Walter morava na zona rural e estava na cidade para, na companhia de seu irmão Ricardo Machado, realizar um serviço de pedreiro.

Ele foi morto por dois homens que usaram uma motocicleta para tomar rumo ignorado, o garupa desceu e disparou os 3 tiros. Não há identificação dos suspeitos até agora.

2 comentários sobre “PLANTÃO COM 2 MORTES – Suspeito de assalto morre em confronto com a PM de Codó”

  1. o que eu acho e o seguinte eu não vou em codo a mais de dez anos mais pelo que eu leio dai . codo ta muito violento a policia tem que ir pra cima mesmo e muito vagabundo acabando com a paz da nossa cidade

  2. Não fizeram direito, esse q foi pra prisão, amanhã estará solto fazendo o mesmo. A Policia tinha que amarrar uma pedra no pescoço dele e jogar dentro do rio. Tem que matar esses vagabundo a nossa JUSTIÇA ESTAH FALIDA, as Leis são frágeis.

Deixe um comentário