Antonio Joaquim fala sobre quantidade e diz que tem vereador que vive só para se beneficiar do poder

O impasse a respeito do número de vereadores para 2013 continua e tende a ser onze, pois, como já explicamos aqui, só existe uma proposta para ser analisada, até agora, e o número que nela consta é o atual.

Dr. Antonio Joaquim

Enquanto isso, as especulações continuam. Até gente de renome na política tem emitido opinião a respeito do assunto nos meios de comunicação. Recentemente, o ex-deputado federal, Dr. Antonio Joaquim, o mais experiente de nossos políticos, fez rápida aparição numa reportagem da TV Palmeira do Norte falando sobre o assunto à repórter Ramíria Santiago.

DO BEM E DO MAL

Ele entende que o número deve ficar entre 12 e 13 parlamentares, mais que isso estraga. Dr. Antonio explicou-se, na visão dele se aumentar para 17 pode haver repetição da atualidade onde se cruzam os bons e os que estão no poder com outras finalidades.

“Nós achamos que Codó deveria girar em torno de 12 ou, no máximo, 13 vereadores porque faz com que a população escolha os melhores. Um número grande de vereadores nesta legislatura, temos bons vereadores, mas nós temos vereadores que vivem único e exclusivamente para se beneficiar”, disse

POVO INTELIGENTE

No fim de sua entrevista chamou a população codoense de ‘politizada e inteligente’ exortando-a a fazer boas escolhas este ano.

‘Acho que a população de Codó é uma população politizada, é uma população inteligente e vai ter muito cuidado na escolha de nossos vereadores, o ideal é que seja em torno de 12, no máximo 13 para as próximas legislaturas”, concluiu Antonio Joaquim

Deixe uma resposta