Câmara de Timbiras já definiu novo número de vagas e a de Codó planeja imitá-la

Foi aprovado em dois turnos, realizados nos dias 10 e 24 de outubro, o novo número de vereadores para a Câmara Municipal de Timbiras. A emenda à Lei Orgânica Municipal Nº 02/11 recebeu o apoio de todos os parlamentares.

A partir de 2013, o parlamento timbirense contará com 11 vereadores e não mais com 9, como é atualmente.

A decisão, segundo o presidente Bebeto Coelho, foi baseada no art. 29, inciso IV, alínea b, da Constituição Federal que prevê “ nos municípios de 15 a 30 mil habitantes” a composição de 11 vereadores na Câmara Municipal.

“Na realidade a gente só fez regulamentar uma decisão que vem de cima e que, praticamente, já mais de 40 cidades, no Estado do Maranhão, já tinham tomado esta providência também, então nada melhor do que a gente acompanhar essa decisão porque também é um anseio da sociedade, a gente observa que existe um número muito grande de candidatos e a gente acredita que quanto mais pessoas representando, com qualidade, a gente acha que a Câmara pode exercer melhor seu papel de fiscalização das contas públicas”, disse o presidente Bebeto Coelho.

A decisão deve dar um novo ânimo aos pré-candidatos que, agora, entrarão com maior probabilidade de ocupar o cargo de vereador.

ENQUANTO ISSO EM CODÓ

Enquanto isso em Codó, por pura ‘birra” os vereadores estão se articulando para fechar o número de em 11 também, igualzinho ao de Timbiras. Eles estão irritados com a forma que pré-candidatos estão se manifestando nos meios de comunicação contra suas atuações e querem complicar a eleição dos pretensos que não conseguem conter a própria língua.

É uma ‘vingancinha’ boba que vai acabar sobrando para, pelo menos, metade da moçada que está trabalhando o NÃO aumento do número de vagas.

Codó pode ter até 17 vereadores e teria se não fosse a birra infantil dos atuais. Assim como vai ser difícil para novos entrarem (com o número de 11), também será difícil para alguns se manterem dado à insatisfação vomitada aos quatro cantos da cidade e da zona rural pelos eleitores que já estão amolando a ‘faca’, quero dizer, o título.

Deixe um comentário