Codoenses estão há quase 4 meses sem telefone da OI em casa e no comércio

OI só cortou a fiação e deixou clientes na MÃO
OI só cortou a fiação e deixou clientes na MÃO

Conta dos próprios prejudicados estima que só numa área atingida cerca de 300 telefones residenciais e comerciais da OI estão mudos há quase quatro meses.

O problema aconteceu exatamente na rotatória do Mata Roma. Contam os moradores que ainda em meados de dezembro do ano passado  um caminhão danificou a fiação telefônica, na sequência disso ela ficou exposta no chão na rua, com carros, pedestres e motos passando por cima,  por mais de um mês e quando a empresa resolveu aparecer para consertar o que fez foi só cortar o fio de transmissão como até hoje pode ser visto por quem passa pelo local.

A partir daí um dos maiores bairros de Codó – o São Sebastião – e pelo menos 3 conjuntos habitacionais ficaram sem telefonia.

 “É mudo, mudo, mudo…E QUANDO LIGAM PRA EMPRESA? Só faz dizer que vai resolver o problema, mas não dá uma previsão…O QUE DIZEM? Diz qualquer hora vamos resolver, tamo resolvendo, tamo providenciando e não providenciaram nada ainda”, respondeu dona Irene Sousa, aposentada prejudicada com a situação

INDIGNAÇÃO NAS RESIDÊNCIAS

Visitamos algumas residências. Dona Pedrina Ferreira  não consegue falar com os filhos em São Paulo há mais de dois meses, como consumidora está se sentindo desrespeitada pela empresa OI – a  responsável pelo fornecimento da linha telefônica.

Dona Pedrinha não consegue falar com os filhos em SP
Dona Pedrinha não consegue falar com os filhos em SP

“Cobrança, tai cobrança que eu ainda nem paguei, paguei dezembro, janeiro eu não paguei…NEM SATISFAÇÃO? Nem satisfação, faz de conta que nós somos cachorros, nunca veio uma cartinha avisando se vão avisar, se nada”, criticou zangada

Todos reclamam de que as contas continuam chegando, por conta disso seu Juscelino dos Reis tomou a iniciativa se desfazer do telefone fixo.

 “Eu não gostei e mandei  desligar o telefone porque tava com 3 meses sem ter atendimento, tava desligado (…) mandaram a conta eu não paguei…DE QUANTO ERA? R$ 41,90…SEM TELEFONE? Sem ligar nada e até hoje nunca funcionou nenhum da rua, tá todo mundo sem telefone”, revelou frustrado o aposentado morador da rua Agenor Monturil

No São Sebastião os moradores agora dizem que não vão mais procurar a empresa pedindo conserto da linha, a intenção de dona Maria dos Remédios Rabelo e seus vizinhos é levar o caso à Justiça.

 “Todo dia tem uma promessa, fala que vem que vem e nada….JÁ TÃO PENSANDO EM PROCURAR A JUSTIÇA? a gente já até conversou aqui com os vizinho pra procurar a Justiça, se eles não autorizar a gente vai procurar”, disse

À produção da TV MIRANTE, Jornal do Maranhão,  a OI informou que vai mandar uma equipe ao local para ver o problema.

6 comentários sobre “Codoenses estão há quase 4 meses sem telefone da OI em casa e no comércio”

  1. EU TAMBÉM FUI PREJUDICADO.QUE TAL SE ENTRÁSSEMOS COM UMA AÇÃO CONTRA A EMPRESA OI? JÁ TENHO MAIS DE 30 PROTOCOLOS REFERENTE A ESSE PROBLEMA DA OI E ATE HOJE NADA FOI RESOLVIDO. ACELIO INDICA AI UM BOM ADVOGADO QUE TENHA CORAGEM DE TOPAR ESSA PARADA!

  2. Quer dar boas risadas? Leia o “blog” “Boca no Trombone”. kkkkkkkkkk

  3. Sugestão ao MEC:
    Ministério da Educação poderia conceder título de PHD em Educação ao Poder Executivo Municipal, de tantas gestões, por estudar por 19 anos uma Lei antes de obedece-la. Os Estudos continuam. É muito estudo meu povo!

    Que tal uma audiência pública para que a população, representantes do poder público, executivo, legislativo e judiciário, imprensa e sociedade civil possam estudar todos juntos a Lei do Procon de Codó?

    Fica a sugestão que já fora requerida e consta em ATA de audiência sobre segurança pública realizada na Câmara dos Vereadores de Codó – MA, neste mês de março, além de pedido de criação de Delegacia Especializada de Defesa do Consumidor no Município de Codó e criação do Procon Municipal.
    Matéria noticiada pelo site Correio Codoense:

    http://correiocodoense.com.br/category/correio-codoense/page/4/

    Qual a relação do Procon com a Segurança Pública?

    – Disque 190 em caso de emergência. Se o 190 não atende é por má qualidade na prestação de serviços da operadora Oi de telefonia.

    Se são disponibilizados números de celulares alternativos ao 190. É fato público e notório que ausência e oscilação de sinal de celulares é constante há anos.

    – Tente ir a Delegacia de Polícia noticiar a ocorrência de um crime, e pedir para lavrar um B.O. BOLETIM DE OCORRÊNCIA não é difícil ouvir a resposta de que não é possível pois a DP está sem sistema. Ou seja, o sinal da internet caiu ou é péssimo, impossibilitando a lavratura do B.O. ou até mesmo a identificação de pessoas para efetivação de prisões ou atrasando a estrutura de inteligência da Polícia de investigação para confirmar dados de suspeitos, mandados de prisões de outros estados e cidades;

    – SAMU 192. Não é necessário falar que é constante a falta de funcionalidade do número 192 em Codó. Quantas pessoas já perderam a vida porque um direito do consumidor não foi respeitado?

    Veja outras entrevistas feitas pelos Repórteres Acelio Trindade e Senna Freitas transmitidas, respectivamente pelo JMTV e pela FCTV sobre a problemática de Codó – MA

    http://g1.globo.com/ma/maranhao/jmtv-1edicao/videos/t/codo/v/samu-enfrenta-problemas-para-atender-aos-pedidos-de-socorro-em-codo/2837159/

    http://www.youtube.com/watch?v=S8fQXE9lJLw

    Esses são apenas pequenos exemplos da importância do Procon Municipal em Codó – MA e de todos os Municípios do País.

    Com a criação e instalação do Procon e de uma Delegacia Especializada em Defesa do Consumidor, os problemas não deixarão de existir, mais o PODER DE PUNIR e aplicar sanções às empresas e à todos aqueles que desrespeitam os consumidores e os cidadãos com certeza irá intimidar e reduzir todos os problemas existentes.

    Abaixo seguem links de algumas reivindicações feitas pela Comissão de Defesa do Consumidor da OAB CODÓ – MA, além da entrevista recente vinculada no jornal da rede globo do Maranhão.

    Denúncias publicada no Blog do Acélio Trindade: https://www.blogdoacelio.com.br/01/geral/dr-tome-mota-denuncia-descaso-e-volta-a-cobrar-instalacao-do-procon-em-codo/

    https://www.blogdoacelio.com.br/01/juridico/por-tome-mota-a-importancia-do-procon-municipal/

    Instituições Bancárias no Município de Codó desrespeitam o Código de Defesa do Consumidor. Matérias Site Correio Codoense:
    http://correiocodoense.com.br/terra-sem-lei-em-codo-banco-do-brasil-continua-desrespeitando-a-populacao/

    http://correiocodoense.com.br/comissao-de-defesa-do-consumidor-quer-saber-motivo-para-falta-de-dinheiro-nos-caixas-eletronicos-aos-finais-de-semana/

    Artigo Publicado no site oficial da ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL – SECCIONAL DO MARANHÃO – OAB/MA
    http://www.oabma.org.br/oab-ma-agora/artigo/a-importancia-do-procon-municipal-realidade-maranhense

    Matéria sobre a solicitação da OAB para realização de audiência pública em Codó sobre a instalação do Procon Municipal de Codó
    http://imirante.globo.com/oestadoma/noticias/2013/02/27/pagina241031.asp

    http://www.g1.globo.com/ma/maranhao/jmtv-1edicao/videos/t/codo/v/lei-criada-em-prol-do-consumidor-ha-vinte-anos-nunca-saiu-do-papel/3218427/

    Tomé Mota e Silva dos Santos
    Presidente da Comissão de Defesa do Consumidor da Ordem dos Advogados do Brasil – Subseção de Codó – Maranhão

    1. JA TENHO CERCA DE 8 ACOES TRAMITANDO NO FÓRUM DE CODÓ CONTRA EMPRESAS DE TELEFONIA. GOSTARIA DE IMPETRAR UMA AÇAO COLETIVA CONTRA ESSA EMPRESA DEVIDO A ESSE PREJUÍZO ESPECIFICO.

Deixe uma resposta