DINHEIRO: 3ª feira de Páscoa do Mulheres em Ação obteve bons resultados

Mulheres em Ação

Pelo terceiro ano, consecutivo, as mulheres montaram as barracas no centro da cidade para vender ovos artesanais de páscoa. Foram cerca de 33 participantes do chamado grupo Mulheres em Ação, que existe desde 2009 para fomentar a produção artesanal nos bairros.

Aqui é dividido por grupo, cada bairro, nós somos, por exemplo, da comunidade e vila Menino Jesus e também da igreja”, explicou a chocolateira Maria Divina Matos de Sousa

VARIEDADE

Trouxeram uma variedade que chamou a atenção dos consumidores pelo formato, preço mais em conta e pelos enfeites caprichados que dona Domingas Sobrinho fez questão de mostrar a todos que passaram pela feira.

“Pra chamar mais atenção pra ficar mais uma coisa de primeiro mundo, né…E ISSO CONTA? Influi tão achando muito bonito, influi …E COMPRANDO? E comprando”, respondeu

PRODUZINDO

Belos Ovos

Ovos e bombons de chocolates foram feitos em casa depois que elas participaram de cursos técnico-profissionalizantes a respeito e sempre que datas importantes, como esta da Páscoa, chegam elas aproveitam para mostrar o produto e faturar o máximo possível. Para a chocolateira, Alda Feitosa, a feira é uma grande oportunidade “melhor ainda, vendemos mais, compramos mais e sai todo mundo feliz’, disse

DINHEIRO

Cada grupo faz a divisão, da forma que achar mais justa ao final da feira, como explicou ao imirante a presidente do grupo Mulheres em Ação, Ana Carla Maranhão.

“Eles se reuniram e aqui depois da venda eles vão pra casa e lá distribuem, fazendo em casa este ovo artesanal, pra que façam uma páscoa diferente, com uma renda a mais dentro de casa”, explicou

Feliz também fica o consumidor que pode levar um produto com a qualidade exigida, além de valorizar o trabalho das mulheres. A dona de casa Jucilene dos Santos juntou à tudo isso a satisfação de presentear o filho, só para viver uma espécie de dupla felicidade.

“Porque eu quero tudo de bom pra meu filho, entendeu, tudo de bom pra mim também (…) até na páscoa”, frisou

Deixe uma resposta