Diretor e médica da UPA falam sobre atendimentos prestados aos codoenses

Protocolo de Classificação/UPA (click para ampliar)
Protocolo de Classificação/UPA (click para ampliar)

A UPA tem sofrido constantes reclamações quanto à demora no seu atendimento, apesar de ser hoje a Unidade mais elogiada pelos codoenses se comparada com nosso Hospital Geral Municipal.

O diretor-clínico, ortopedista Francisco Duailibe,  afirmou que a demora se deve à duas razões – à forma de seleção de atendimento dos pacientes que não é por ordem de chegada e, como havia informado antes, à grande demanda.

“Nós temos a classificação azul, verde, amarela e vermelha. Os pacientes de classificação amarela e vermelha têm prioridade no atendimento em detrimento dos verde e azul, eu acho que é isso a maior causa – o aumento da demanda por doenças sazonais (…) e também por o povo procurar a UPA porque acham que a UPA é uma tábua de salvação, aqui vão ter medicamento, aqui eles vão ser bem atendidos”, explicou ao blog

 A clínica geral da Unidade, Dra. Socorro Coutinho, complementou.

No começo sempre existe isso, o pessoal sempre acha ruim, sempre  reclama, sempre procura a imprensa, sempre procura ser ouvido em relação á isso, porque não estão acostumados, sempre tentam ver a ordem de chegada e aqui não é assim”, disse

A  médica disse ainda que a UPA faz até atendimentos que não são de sua responsabilidade e que ninguém sai da Unidade sem a atenção devida.

 “Chega de tudo  Aqui a gente vai, realmente, muito mais consulta do que o atendimento pra que se destina a UPA. A UPA seria para o atendimento de urgência e emergência como o nome diz é UPA – Unidade de Pronto Atendimento, atendimento de imediato pras urgências e emergências”, justificou

MAIS DE 131 MIL ATENDIMENTOS

O diretor ao final da entrevista destacou os números de atendimentos já realizados desde que  Unidade foi inaugurada em Codó no início do ano passado.

 “A UPA já teve mais de 131 mil atendimentos desde a sua inauguração e atende em média 250 à 300 pacientes dia”, informou Dr. Duailibe

6 comentários sobre “Diretor e médica da UPA falam sobre atendimentos prestados aos codoenses”

  1. Meu caro amigo,
    Os pacientes portadores de necessidades especiais e idosos sempre terão prioridades no atendimento, mas se existirem pacientes classificados nas cores vermelho e amarelo (emergência e urgência), estes terão prioridade, pois correm risco de morte e necessitam de atendimento imediato. Portanto, a metodologia de atendimento “Classificação de Risco” adotado pela UPA, sempre priorizará os pacientes de acordo com a gravidade de seu estado de saúde e não por ordem de chegada.

    Ricardo Lima
    Diretor Administrativo da UPA CODÓ

  2. SALÁRIO DIGNO PARA TODOS
    A verdade é que deveria ter respeito e valorização dos nossos profissionais, salário digno é assim:
    Graduado… Dr. Médico – 100%
    Graduado… Dr. Enfermeiro – 70% do Dr. Médico
    Graduado… Outros Doutores da saúde 70% do Dr. Enfermeiro
    Nível Médio – Técnico de Enfermagem ou outros da saúde – 50% dos outros Doutores da saúde
    Ensino fundamental – Auxiliar de Enfermagem ou outros da saúde – 70% do Técnico de Enfermagem ou outros da saúde.

    30 HORAS JÁ: ENFERMAGEM E TODOS – ÁREA DE SAÚDE

    … xxx … xxx … xxx … XXX … xxx … xxx … xxx …

    Os 10 MANDAMENTOS DOS DOUTORES: MÉDICOS E ENFERMEIROS

    1 – Se você não sabe o que tem, dá VOLTAREN;

    2 – Se você não entende o que viu, dá BENZETACIL;

    3 – Apertou a barriga e fez ‘ahhnnn’, dá BUSCOPAN;

    4 – Caiu e passou mal, dá GARDENAL;

    5 – Tá com uma dor bem grandona? Dá DIPIRONA;

    6 – Se você não sabe o que é bom, dá DECADRON;

    7 – Vomitou tudo o que ingeriu, dá PLASIL;

    8 – Se a pressão subiu, dá CAPTOPRIL;

    9 – Se a pressão deu mais uma grande subida, dá FUROSEMIDA!

    10 – Chegou morrendo de choro, ponha no SORO.

    …e mais…

    Arritmia doidona dá AMIODARONA…

    Pelo não, pelo sim, dá ROCEFIN.

    …e SE NADA DER CERTO, NÃO TEM NEUROSE…
    …DIGA QUE:

    É SÓ ESSA NOVA VIROSE!!!

    Parece brincadeira, mas… É verdade!

    (Recebido por e-mail – Autor Desconhecido)

    … xxx … xxx … xxx … XXX … xxx … xxx … xxx …

    Doutor (Dr.): É importante ressaltar que doutor via de regra não configura forma de tratamento, mas título acadêmico. Seu uso deve-se limitar apenas a comunicações dirigidas a pessoas que alcançaram o grau acadêmico de doutoramento(português europeu)ou doutorado(português brasileiro). Por questões culturais, tal título é permitido aos Bacharéis em Enfermagem pela LEI COFEN 256/2001, Odontologia, em Direito e em Medicina, e qualquer outro profissional de nível superior ou da saúde. Entretanto, formalmente, deve-se usar o tratamento Senhor que confere a desejada formalidade às comunicações.

    Fonte: Pronome de tratamento
    Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Pronome_de_tratamento

    … xxx … xxx … xxx … XXX … xxx … xxx … xxx …

    Cofen reconhece direito de enfermeiro usar título de “doutor”
    BRASÍLIA/VALE DO ASSU – A partir de agora a classe dos enfermeiros poderá, a exemplo de outros profissionais tais como médicos, advogados, engenheiros e outros, usar o título de “doutor”. Autorização neste sentido foi dada por meio da resolução número 256/2001, do Conselho Federal de Enfermagem (COFEN), em Brasília. O órgão federal considerou que “o uso do título de doutor tem por fundamento procedimento isonômico, sendo em realidade, a confirmação da autoridade científica profissional perante o paciente ou cliente”.
    Além disso, o Cofen entendeu que “o título tem por fundamento praxe jurídica do direito consuetudinário, sendo o seu uso tradicional entre os profissionais de nível superior”.
    O organismo classista interpretou, também, que “a exegese jurídica, fundamentada nos costumes e tradições brasileiras, tão bem definidas nos dicionários pátrios, assegura a todos os diplomados em curso de nível superior, o legítimo uso do título de doutor”. O Cofen observou ainda que “a não-utilização do título de doutor leva a sociedade e mais especificamente a clientela, a que se destina o atendimento da prática da enfermagem pelo profissional da área, a pressupor subalternamente, inadmissível e inconcebível, em se tratando de profissional de curso superior”.
    … xxx … xxx … xxx … XXX … xxx … xxx … xxx …

    ENFERMEIRO (A) disse…
    Toda e qualquer discussão sobre determinados temas geram resultados positivos/negativos. Esta discussão sobre o ter ou não ter o título de “Dr.” seria assunto pra longas horas de conversas. O fato de o profissional Enfermeiro(a) ter a conquista deste título reconhecida e legislada pelo seu conselho de classe, demonstra a legitimidade do seu uso, reforçando ainda mais a organização e com isto mostrando a sociedade que a classe de Enfermagem, existe pautada em leis e que as mesmas fazem acontecer o bom atendimento no cuidar da saúde do ser humano.
    18 de janeiro de 2011 23:54
    FONTE: http://www.blogdopessoa.com.br/2011/01/dr-enfermeiros-resolucao-cofen-2562001.html

    … xxx … xxx … xxx … XXX … xxx … xxx … xxx …

    Gesiel Oliveira disse…
    Sou advogado e oficial de justiça, nunca concordei que um fisioterapeuta seja chamado de Dr. e o enfermeiro não. E quem disse que a pessoa que tem doutorado é chamado de doutor? ele se chama de PHD (Philosophy Doctor) , pois o significado de Doutor é “conhecedor”. Trate-se de regra consuetudinária, ou seja, manifestada pelo uso geral. Concordo que o enfermeiro tenha esse título, pois possui lastro científico e acadêmico para tal. Parabéns Doutores pela conquista.
    30 de janeiro de 2013 13:04
    FONTE: http://www.blogdopessoa.com.br/2011/01/dr-enfermeiros-resolucao-cofen-2562001.html

    … xxx … xxx … xxx … XXX … xxx … xxx … xxx …

    Enfermeiro disse…
    A QUESTÃO QUE SE DISCUTE NÃO É SE O PROFISSIONAL TEM OU NÃO DOUTORADO, SE FOSSE ASSIM MÉDICO E ADVOGADO TB NÃO PODERIAM SER CHAMADOS DE DR. A QUESTÃO AQUI É O RECONHECIMENTO PROFISSIONAL DIANTE DA SOCIEDADE, POIS MUITOS SE DEIXAM LEVAR INFELIZMENTE PELA CULTURA QUE É PASSADA PELA MÍDIA PRINCIPALMENTE A TV, ESQUECEM QUE O PROFISSIONAL ENFERMEIRO PASSOU 5 ANOS ESTUDANDO EM UMA FACULDADE ADQUIRINDO CONHECIMENTO CIENTÍFICO PARA PODER ATUAR E DO MESMO JEITO DEVE FAZER ESPECIALIZAÇÃO MESTRADO , DOUTORADO , POS DOUTORADO, ETC. OUTRA QUESTÃO É FICA A CRITÉRIO DE CADA UM USAR OU NÃO ATÉ PORQUE SÓ PODEMOS OSTENTAR O QUE PODEMOS SER. PARA PODER USAR DR. NA FRENTE DO SEU NOME MOSTRE MUITO CONHECIMENTO E RESPEITO PELOS PACIENTES ESSE SIM É VERDADEIRO DR.
    19 de janeiro de 2011 10:11
    FONTE: http://www.blogdopessoa.com.br/2011/01/dr-enfermeiros-resolucao-cofen-2562001.html

  3. PARABÉNS IMIP POR SUA BLINHANTE ADMINISTRAÇÃO…

    PARABÉNS A VOCÊS QUE FAZEM A UPAE GARANHUNS, PARABÉNS, PARABÉNS, PARABÉNS…

    A CADA UM DE VOCÊS QUE LEVAM A SAÚDE, A ESPERANÇA E A DIGNIDADE NO MOMENTO EM QUE MUITAS VEZES NÃO ACREDITAMOS MAIS E ATRAVEZ DOS DOUTORES MÉDICOS E ENFERMEIROS, SURGE UMA NOVA ESPERANÇA E COM A DEDICAÇÃO DOS RESPECTIVOS AUXILIARES, COM CERTEZA AO FINAL DE CADA EXPERIENTE É DITO MISSÃO COMPRIDA! OBRIGADO SENHOR…

    PARABÉNS DOUTORES MÉDICOS E ENFERMEIROS E TODOS.

    UPAE GARANHUNS 24 HORAS JÁ – ACREDITE É PRECISO FUNCIONAR

    QUE DEUS ABENÇOE VOCÊS…

  4. NÃO SOMOS MACACOS!

    SOMOS TODOS DOUTORES…

    NÃO É ESQUISITO… Se colocam no crachá e na escala de serviço, Doutor antes do nome do médico, porque também nos outros DOUTORES (que tem Doutorado ou Resolução) não é feito igual? NÃO É MESMO ESQUISITO ?

    Não Sejam Preconceituosos e Injustos, RESPEITE-OS!

    O justo é assim:

    Dr. Jose
    Dentista

    Drª. Maria
    Enfermeira

    Dr. José
    Fisioterapeuta

    Dr. José
    Médico

    Drª. Maria
    Psicologa

    PRECONCEITO NUNCA MAIS!

  5. PARABÉNS! Drª. Tayana Guerra (enfermagem), da UPAE Garanhuns pelos serviços prestados.

    RESOLUÇÃO COFEN-256/2001
    Autoriza o uso do Título de Doutor, pelos Enfermeiros

Deixe uma resposta