EDUCAÇÃO SUPERIOR EM CODÓ – O desabafo do SENHOR X

Recebi este e-mail às 21h46 de ontem (19). Achei interessante e resolvi postá-lo, abaixo a íntegra:
Caríssimo colega Acélio
Favor veja meu artigo e por gentileza faça a publicidade em seu blog.
Grande abraçooo.
Um triste descaso, em um desabafo de acadêmico codoenses, que é obrigado ir a Caxias para poder estudar.
Meus queridos amigos de Codó, o que vejo todas as tardes onde pego o ônibus, em frente ao Posto Total representa um total descaso com a população de Codó, fiquei consternado por ver em vários movimentos de tantos codoenses adentrando no ônibus com saída para nossa cidade vizinha Caxias, com um intuito de cursar um curso superior de melhor qualidade.
Me chamo senhor X, infelizmente tem que ser assim, não posso colocar meu nome aqui, mas gostaria muito de colocar, mas sabemos que estamos em um país, um estado e uma cidade onde a democracia e liberdade de expressão está condicionada ao TER e ao SER, peço desculpas aos leitores por não me identificar, o que posso dizer é que sou ex-acadêmico do curso de ciências humanas do campus de Codó da Universidade Federal do Maranhão, e gostaria de expurgar tudo que penso sobre alguns aspectos sobre esta questão:
Os Políticos de Codó.
Até parece que não temos políticos nesta cidade, mas só parece, pois eles estão bem ativos para puxa saco, pois só se preocupam com o seu próprio nariz, a sociedade codoense clama, chora aos que se dizem representantes do povo, veja esta situação, codó é a sexta, repito a sexta maior cidade do estado do maranhão, isto é uma vergonha, será se não temos nenhum político competente neste meio, que possa interceder junto a instâncias superiores e pedir cursos melhores para a UFMA e UEMA e IFMA de codó, isto me faz recordar ao passando quando um deputado de codó anunciou o curso de enfermagem e direito na UEMA de Codó, isto em janeiro de 2010, não podemos esquecer do deputado jovenzinho até agora o único a fazer certo a lição de casa, fez uma indicação solicitando os cursos de administração, direito, contabilidade e enfermagem, mas mesmo assim sem respostas pois isto foi em 04 de julho de 2012 e até agora nada.
E as Universidades Pública de Codó UFMA X UEMA X IFMA.
Fui aluno da UFMA, como já falei anteriormente, mas vir total descaso na gestão da universidade federal do maranhão, os professores vivem mais em São Luís que em codó, os servidores nem se fala, desta forma como teremos novos cursos. Já tivemos um curso fracassado de licenciatura em informática, e agora a UFMA anuncia outro de engenharia em informática da mesma área novamente, será se vai fecha também, acho que já vimos esta novela antes.
O que é certo amigos, é que a UEMA ainda não tem estrutura adequada, até agora desde 2010 quando terás? mas a UFMA está de parabéns pois tem a mesma estrutura das grandes universidades, mas infelizmente codó ficou só com a ESTRUTURA, peço reitor Natalino Salgado implante os cursos de enfermagem e direto em codó pois este representam 90% dos anseios dos estudantes secundaristas.
O IFMA me faz pensar, qual seu papel além do ensino nesta cidade? pois passou-se mais de 10 anos de sua implantação e até agora o que vemos na feira em codó é que todos os produtos consumidos aqui vem de outras cidades, cadê o produto do IFMA, que deveria está produzindo aqui os produtos agrícolas adquiridos nas feiras da cidade.
Agora clamamos porque, porque não temos melhores cursos aqui na UFMA, na UEMA e IFMA, se temos estrutura?
Todos os dias saem de codó 11 ônibus cheios de acadêmicos em torno de 500 pessoas, ops!!! podemos aqui até chama-los de heróis, pois só tendo super poderes para suportar o dia-dia, o trabalho e ainda se submeter a uma viagem todos os dias para poder ter apenas o direito de poder cursar um curso melhor, amigos isto é muito triste, peço desculpas caros leitores, mas diante desta situação e do exposto não poderia ficar sem me expressar, os erros neste texto é um sinal da qualidade da educação deste país de grande desigualdades sociais.
Assinatura: Senhor X

12 comentários sobre “EDUCAÇÃO SUPERIOR EM CODÓ – O desabafo do SENHOR X”

    1. Esse ai é uma piada, não tem nem a coragem de falar o seu nome, as faculdades de Caxias são particulares, pagas e caras, as coisas também dependem da iniciativa privada, não apenas da política, se os ricos de Codó também investissem em Educação como fora prometido!

  1. Cumpade véi, passei esses últimos cinco dias em Codó e pude ver essa realidade. Temos um deputado codoense que foi reitor da UEMA por quatro anos, e o mesmo nunca se interessou em implantar um curso que “preste” na cidade. O que falta aos políticos é vergonha na cara. Povo ignorante é povo manipulável, não interessa a nenhum deles cidadãos esclarecidos, cientes de seus direitos, e infelizmente, não vejo nenhuma luz no fim do túnel, a não ser que esse mesmo povo manipulado e acomodado acorde e reivindique os tais cursos, pois se for esperar pela vontade dos mandatários da vez, pode esperar deitado em berço esplêndido. “É vida de gado, povo marcado, povo feliz”.

  2. Concordo com suas palavras senhor X. Sou de codó e faço CIENCIA DA COMPUTAÇAO aqui em sao luis, sou morador de casa de estudante. Sei da tremenda dificuldade que a UFMA_CAMPUS CODÓ vai ter em manter o curso de Engenharia, porém quero estudar na minha cidade, por isso vou tentar voltar pra fazer esse curso de engenharia.

    Vou ta luta, cobrando novos cursos, a gente nao pode sair de nossas casas pra passar fome nos outros interiores, fico revoltado com isso. Se temos estrutura tem de colocar esses cursos.

    É importante questionar qual o papel do IFMA na cidade, pois todo ano forma tecnicos em meio ambiente,agropecuaria e agroinndustria, alem dos cursos superiores.
    OS POLITICOS de CODÓ NAO INVESTEM EM AMBIENTE< AGRPECUARIA< AGROINDUSTRIA, ja fiz curso de tecnico em agropecuaria e nem terminei por causa do incentivo que nao tem.
    HOJE CONHEÇO VARIOS TECNICOS QUE TRABALHAM OU JA TRABALHARAM <<>>

  3. Concordo com suas palavras senhor X. Sou de codó e faço CIENCIA DA COMPUTAÇAO aqui em sao luis, sou morador de casa de estudante. Sei da tremenda dificuldade que a UFMA_CAMPUS CODÓ vai ter em manter o curso de Engenharia, porém quero estudar na minha cidade, por isso vou tentar voltar pra fazer esse curso de engenharia.

    Vou ta luta, cobrando novos cursos, a gente nao pode sair de nossas casas pra passar fome nos outros interiores, fico revoltado com isso. Se temos estrutura tem de colocar esses cursos.

    É importante questionar qual o papel do IFMA na cidade, pois todo ano forma tecnicos em meio ambiente,agropecuaria e agroinndustria, alem dos cursos superiores.
    OS POLITICOS de CODÓ NAO INVESTEM EM AMBIENTE< AGRPECUARIA< AGROINDUSTRIA, ja fiz curso de tecnico em agropecuaria e nem terminei por causa do incentivo que nao tem.
    HOJE CONHEÇO VARIOS TECNICOS QUE TRABALHAM OU JA TRABALHARAM NO PARAIBA.

  4. Senhor X, parabéns pelo seu desabafo.
    Concordo plenamente com você, não sou de Codó, mas trabalho aqui há alguns anos e esta realidade ainda é a mesma, até quando?????????

  5. É lamentável a situação da nossa cidade,pois sendo a sexta maior do estado ainda vivi assim, mais e como o senhor x escreveu ae e falta de interesse das autoridades pois temos dois deputados estaduais um procura ne fazer alguma coisa o outro pelo que sabemos nada a fazer, mais vamos esperar um milagre só um milagrem,e torcer que uma instituição vem se instalar em Codó

  6. concordo com o Senhor X quantas vezes tive vontade de cursar uma faculdade,mas nem dinheiro pra pagar os ônibus tenho,e em codó não tem um curso que preste.

Deixe um comentário