Enterrado mototaxista que chocou-se contra um jumento

Vítima

Foi enterrado às 16h30min desta quarta-feira, no cemitério do Codó Novo, o corpo do mototaxista, Juvenal dos Reis Filho, de 31 anos.

Ele, de motocicleta, bateu de frente contra um jumento, na rua Rio Grande do Norte, por volta das 6h30min da tarde da última segunda-feira. Vítima de uma forte pancada na cabeça, pois não usava capacete, chegou a ser levado para o HGM e depois transferido para Presidente Dutra, dado a gravidade da lesão encefálica.

Segundo o irmão, Railton de Oliveira Reis, em entrevista ao blog do Acélio, Juvenal não teve nenhuma fratura no crânio, o problema foi a lesão maior interna que atingiu o cérebro.

Conj. Novo Milênio

Juvenal, que trabalhava em frente à delegacia de polícia, vivia separado da mulher e deixou dois filhos. Todos os famílias pediram para que as autoridades tomem alguma providência em relação aos animais soltos nas ruas.

Segundo Railton Reis, este não foi o primeiro caso e ainda há tempo de salvar outras vidas se o poder público assim entender.

A eliminação do problema também passa pelo nível de consciência dos donos de jumentos, cavalos e bovinos que flagramos constantemente soltos em ruas e avenidas.

Um comentário sobre “Enterrado mototaxista que chocou-se contra um jumento”

  1. e aê acélio passando aê pra deixar meus pesames à familia desta vitima que morreu lutando para sustentar seus filhos e honrrando a sua pessoa.

    aqui em coroatá… a berração é a mesma pois os governantes não estão nem aiii eles tem carros importados que contem air bag e não morre.

    mais um pai de familia pobre só tem uma moto e quando bate meu irmão é morte fatal quando ainda resta vidas os hospitais da cidade nem injeção tem e aiii o jeito é morrer que é melhor.

    aqui em coroatá,codó e outras cidades isso é lamentavel.

    acorda prefeitos vidas estão sendo seifadas

Deixe um comentário