FOME – Prefeito quer criar programa Cesta da Gente

O prefeito Zito enviou à Câmara projeto de lei do executivo instituindo o programa CESTA DA GENTE.

Uma vez aprovado, o governo ficará autorizado a doar, periodicamente, cestas-básicas para famílias carentes ou em situação de extrema pobreza. Sobre seus objetivos o texto diz:

“Voltado para o suprimento de carência nutricional de famílias de baixa renda, classificada em situação de pobreza ou de extrema pobreza no âmbito no município de Codó”, descreve

Todas as famílias serão cadastradas pelo Núcleo Gestor do Programa Cesta da Gente que vai, além disso, definir diretrizes, normas e procedimentos de desenvolvimento e implementação do Cesta.

Os vereadores irão analisar, emendar e depois levar a plenário para votação.

6 comentários sobre “FOME – Prefeito quer criar programa Cesta da Gente”

  1. Resta saber onde vão ser comprados essas cestas basicas, vou passar uma ideia para o prefeito do jeito que o comercio local esta, seria interessante o prefeito a cada entrega de cesta feita, comprar em comercios diferentes, assim todos ganhariam.

    obs: nada de superfaturar as notas viu senhor prefeito?

  2. Aí é que tá o golpe. Próximo ano é de eleição e o Prefeito ZIto enrolado quer enrolar o povo pobre de Codó, e aproveitar para roubar ainda mais com um programa fácil de desviar dinheiro público. Ou seja, ele quer tentar dar uma de Lula, mas isso é impossível, porque o povo já está decidido, ele pode pintar o asfalto de ouro que agora não tem mais jeito. FORA ZITO!

  3. Cara é sempre assim, quando alguem quer ajudar o proximo, fica sempre alguem achando que está errado ou tá tentando se beneficiar, arlan pois tira do teu bolso e vai ajudar algum necessitado, duvido se tú tens coragem………vai pentear macaco. valeu Zito.

  4. Agora esta chegando perto da politica o excelentissimo prefeito de Codó esta ficando comovido com o povo de Codó kkkkkkkkkkkkkkk. Ha faça mil favor prefeito você subistima demais o povo de Codó.Nós codoenses queremos ver você fora da prefeitura

Deixe um comentário