Inaugurado o 2º Empreendimento do Distrito Industrial de Bacabal

Prefeito inaugura
Prefeito inaugura

O Distrito Industrial de Bacabal é um ousado projeto de iniciativa do governo municipal. Com uma extensão territorial de 26 hectares, a área que fica localizada à margem da BR316 tem capacidade para absorver 12 empresas, sendo que todas elas já estão regulamentadas e prontas para serem instaladas. Juntas, essas empresas deverão gerar aproximadamente 500 empregos diretos e centenas de outros indiretos.

Com o Projeto de Lei de que trata da doação dos lotes aprovado na Câmara Municipal e sancionado pelo prefeito Zé Alberto Veloso, toda a área já está legalmente liberada para que as indústrias possam se instalar gerando oportunidades de trabalho para os bacabalenses. O Governo do Estado que ficou responsável pela infraestrutura do local, vai investir cerca de R$ 10.000.000,00 com a pavimentação asfálticas de ruas, instalação de energia elétrica e água potável.  O Projeto de Lei de nº 1223 que autoriza o estado a implantar tais benefícios foi aprovado na sessão ordinária da Câmara Municipal realizada do último dia 06 de novembro.

 “Apesar da infraestrutura ainda não existir, na noite da última quinta-feira (07 de novembro) foi inaugurada a segunda  empresa do Distrito Industrial de Bacabal, a Mônaco Diesel, que atua no segmento de caminhões, motos, automóveis e agropecuária”.

Presente em 5 estados brasileiros O grupo é considerado o maior distribuidor de caminhões e Ônibus Volkswagem da América Latina.

A solenidade de implantação do segundo empreendimento do Distrito Industrial de Bacabal foi uma das mais prestigiadas e contou com a presença da cúpula do Grupo Mônaco no Brasil como o presidente Armindo Denardim, o filho dele Rui Denardim que está assumindo o comando das empresas e Marcos Franco gerente regional Norte Nordeste da MAN Latinamaérica uma das empresas do Grupo Volkswagem. Durante o evento o prefeito Zé Alberto que compareceu com uma numerosa comitiva composta de vereadores e secretários, falou da satisfação de ver um sonho antigo se concretizar, já que o Distrito Industrial colocará Bacabal numa posição de destaque na economia do Maranhão.

“É com muito orgulho que hoje implantamos mais uma empresa neste tão aguardado Distrito Industrial. Quero aqui agradecer aos empresários que confiaram no nosso governo, na nossa proposta de oferecer as condições, os incentivos para que eles se instalassem neste Distrito criando novos empregos para o povo de Bacabal. Aqui será sem dúvida o pulmão da economia da região do Mearim” garantiu Zé Alberto.

A visão futurista do atual prefeito de Bacabal que resultará na criação de centenas de novas oportunidades de trabalho foi bastante elogiada.

O deputado estadual Carlinhos Florêncio foi um dos que reconheceram a visão empreendedora do atual prefeito de Bacabal. “ É de gente assim que o município precisa, este Polo Industrial será extremamente importante para todos nós. Aqui serão gerados centenas de novos empregos, portanto todos nós estamos de parabéns” disse Florêncio.

 Para Armindo Denardin  Presidente da Mônaco Diesel no Brasil, sem o incentivo e apoio do poder público municipal não seria possível tal investimento na região. “ Essa obra tem a participação do poder público municipal. A visão de empreendedorismo do prefeito Zé Alberto nos mostrou que é viável investir na cidade de Bacabal e nós estamos muito otimistas.” Garantiu o presidente de uma das maiores empresas do País

2 comentários sobre “Inaugurado o 2º Empreendimento do Distrito Industrial de Bacabal”

  1. esse prefeito de bacabal, deveria se o exemplo para os demais, prefeito esse e kara e D++++++,so um lembre nao sou de bacabal. sou de timbiras.

  2. parabens senhor prefeito de Bacabal, isso que deveria ser feito tb no km 17 ser um parque ou um setor industrial de Codó com todo incentivo fiscal municipal pra que as empresas venham pra nossa cidade tb, não querer transformar aquela região em cidade mais sim gerar empregos muito empregos pra os moradores do km 17 como pra região toda,que isso seja uma ideia para o dono do km 17.

Deixe uma resposta