INJUSTIÇA – Casal pobre sorteado 2 vezes só receberá casa se se divorciar

Trav. Rio Grande do Norte, 1341, bairro São Sebastião. Este é o endereço do casal Flávia da Silva Lima e Albérico Fernandes da Silva que vive um drama piorado com as chuvas de ontem (19) que acabaram deixando a casinha com paredes de  barro, cipó e talo de babaçu, coberta de telha, à ponto de desabar a qualquer momento.

Albérico e Flávia na frente da casa prestes a cair
Albérico e Flávia na frente da casa prestes a cair

Os dois tentam desde o Residencial Santa Rita serem contemplados com uma casa do programa Minha Casa, Minha Vida em Codó.

O nome de Flávia foi sorteado para o residencial Trizidela, mas lhe foi negada a entrega por conta de uma burocracia que não se ver para outros casos.

“Ele diz que ele tem casa porque na Caixa ele tem um empréstimo e tal, aí eles dizem que ele tem casa, mas ele mora é aqui comigo e aí como é que faz. Toda vez que chove é desse jeito aí”, explicou Flávia, no que complementada pelo marido.

“O empréstimo que eu fiz na Caixa foi quando eu morava na casa do meu avÔ e aí eu acho que eles pensam que lá é meu, não é meu, é do meu avô. Não tenho casa documentada, não tem como provar que eu tenho casa. Moro aqui, todo mundo me conhece aqui, aí agora é que não dá pra morar”, firmou

SEM TER PARA ONDE IR

A chuva invadiu a casa pela frente, subiu a mais de meio metro dentro da residência e deixou todos os lados da frágil parede de barro com buracos de um canto a outro. Não é mais seguro ficar, mas o casal não tem para onde ir.

Como ficou a casa após a chuva de 19 de novembro
Como ficou a casa após a chuva de 19 de novembro

“Agora vamos morar aonde, debaixo da ponte. Nem debaixo da ponte não dá pra morar”, reclamou a mulher

PRA GANHAR TEM QUE SE DIVORCIAR

Flávia, já que não recebeu a casa que ganhou no Residencial da Trizidela, inscreveu-se de novo para o residencial São Pedro.

Mulher de sorte, teve o nome chamado de novo no sorteio, mas os dois já foram averiguar e receberam um NÃO novamente.

“E AGORA VOCÊS ESTÃO ACHANDO QUE VÃO RECEBER ESSA CASA? Eu to achando difícil porque lá eles disseram que não tem jeito”, disse o marido ao blog

Jeito só tem um, lembrou Flávia indignada. Disseram que se ela se divorciar do marido,  recebe a casa, uma situação que beira o ridículo, absurda.

“Tá caindo, mas fazer o quê? Toda vez que a gente vai pra lá eles dizem que não dá certo, pra dá certo eu tenho que me divorciar do meu marido, quer dizer que pra mim ganhar uma casa tenho que me divorciar dele, fica difícil, é uma situação difícil”, reclamou-se a dona de casa

ENQUANTO ISSO A BAGACEIRA ROLA SOLTA

As denúncias que têm pipocado na internet, em rádios e TVs de Codó dão conta de que o mesmo rigor não tem sido observado noutros casos gritantes.

Há denúncias de que numa só família 6 pessoas ganharam no último sorteio. Há quem tenha ganho uma casa no primeiro residencial (recebeu), no segundo (alugou) e já foi contemplado novamente no São Pedro.

Gente que tem mansão e tá na lista não é mais novidade (só incompetência do serviço de fiscalização), apadrinhados de políticos que aparecem milagrosamente como ganhadores também virou obra da grande sorte ( e essa gente de sorte adora entregar o padrinho).

Estamos checando a existência de um nome que parece ser de um secretário  na lista que saiu do último sorteio (secretário pode ganhar, não há dúvida, mas se tiver casão e até terra na zona rural, aí eu tenho que tirar o chapéu para o Ministério Público Federal e  para quem realiza o tal sorteio).

Por fim, toda essa cachorrada pode, menos o casal pobre e agora, de vez, sem ter onde morar receber a tão sonhada casinha do governo por conta de um rigor que nem de longe alcança os famosos ‘chegados’.

Durma numa festa dessa, meu amigo.

18 comentários sobre “INJUSTIÇA – Casal pobre sorteado 2 vezes só receberá casa se se divorciar”

  1. ACelio
    Investigue as pessoas que não podem ter casas pois estavam em uma listas de beneficiários das casas do programa de habitação na época do prefeito Biné Figueiredo, pois 234 casas deixaram de serem concluídas e estão essas pessoas como proprietárias de casas.
    e pergunto:
    Onde foi parar o dinheiro dessas casas?
    Na secretaria das Cidades do estado a obra está concluída, assim como na caixa econômica, mas a realidade as casas não existem.

  2. Dr. Acelio, vc é sabedor que quem faz essa seleção é a instituição financeira. Se o secretário ou dono de casarão ganhar casa não é responsabilidade do município .

  3. Meu caro Acelio sabemos que a pessoa ter mansão ou casa em nome deles isso não influi na lei. O que importa é se tiver casa finciada pelo Governo isso sim que importa, as vezes o fulano tem uma mansão mais pode nção esta nome dele e ai o banco aprova e vc é sabedor disso.O municipio só se responsabiliza pelo cadastro já o Sorteio e a aprovação é feita pelo Banco que agora e´Banco do Brasil.

  4. Enquanto isso conheço gente que recebeu casa no Santa Rita, a amante na Trizidela, agora o filho no São Pedro. Também conheço gente que tem casarão avaliado em 180 mil reais que foi sorteada. Na verdade, esses sorteios servem pra beneficiar só quem é da panelinha. É muita disculhambação.

  5. Dr. Acelio, vc é sabedor que quem faz essa seleção é a instituição financeira. Se o secretário ou dono de casarão ganhar casa não é responsabilidade do município.
    E anda se a pessoa já financiou imóvel independente pra quem seja, o banco não aprova, pois o nome fica no registro do Cadastro de mutuários.

  6. caro Acélio, você sabe nos informar quem audita estes sorteios? Ministério Público tome uma posição quanto a isso. Isso virou jogo de carta marcada e/ou moeda de troca ou seja, voto pra cá casa pra lá.

  7. muita gente sem escrúpulo é beneficiada: ganha casa já tendo casa. Assim, tira a oportunidade de quem realmente precisa: aqueles que não têm onde morar.Esses “felizardos” são uns caras-de-pau que andam com maquina fotográfica nas costas. “falta de consciência”!!

  8. Rapaz investiga direito e vê: tem fisioterapeutas, fonoaudiólogo, nutricionista, assistente social , ah e tem filha de secretario adjunto também…..
    Essa casa é para quem mesmo?

  9. ACÉLIO. SOMENTE UM INFORMAÇÃO DE BRASÍLIA-DF. EM RAZÃO DE DEZENAS DE DENÚNCIAS, JÁ EXISTEM 02(DOIS) PROCEDIMENTO ABERTOS CONTRA TODA ESSA BAGACEIRA QUE ROLA SOLTA EM CODO DESDE 2010(RESIDENCIAL SANTA RITA) 2012(RESIDENCIAL TRIZIDELA) E AGORA 2014(RESIDENCIAL SÃO PEDRO) JUNTO A CONTROLADORIA DA UNIÃO-CGU E NA OUVIDORIA DA CAIXA ECONÔMICA FEDERAL.

    SERÁ QUE ESSE PREFEITO E SEUS ASSESSORES(SE É QUE ASSIM SE PODE CHAMAR), ACHAM QUE TODO MUNDO EM CODÓ É BOBO OU ANALFABETO E NÃO ESTÁ VENDO TODA ESSA FALTA DE TRANSPARÊNCIA.

    O PROXIMO PREFEITO DE CODÓ-MA EM 2016, DEVERÁ(SE QUISER MORALIZAR A PREFEITURA) ABRIR UMA AUDITORIA EM TODAS AS CONTAS DA PREFEITURA DE CODÓ DE 2005 A 2016 E PRINCIPALMENTE AUDITAR TODOS OS SORTEIOS DO PROJETO “AS CASAS DA MINHA GENTE” PARA DESCOBRIR TODAS ESSAS DENÚNCIAS QUE ESTÃO SENDO FEITAS PELA POPULAÇÃO CODOENSE.

    O QUE FEZ O POPULAÇÃO DE CODÓ PARA TER TANTA FALTA DE TRASPARÊNCIA SERIEDADE, DESRESPEITO E TODO ESSE DESMANDO NA PREFEITURA ?

  10. Senhor jornalista, isto é a maior sacanagem, só ganha casa quem é do aquário do ………. e dos incompetentes dos …….., se seu blog quer prestar um serviço a comunidade faça um levantamento de que ganhou casa e o senhor verá a sacanagem que tem nestas 3 mil casas.

Deixe uma resposta