IPHAN e IHGC vão transformar estação ferroviária codoense em estação cultural

Ribamar Amorim recebe empresário

O conjunto de prédios que pertence à antiga estação ferroviária de Codó vai se transformar numa estação cultural. Quem está providenciando a transformação da área, que pertence ao Governo Federal, é o Instituto Histórico e Geográfico do Codó com o apoio do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – IPHAN.

Os empresários que pretendem concorrer na licitação para a reforma já estão visitando os prédios, obedecendo à uma exigência prévia do IPHAN. Só concorre quem prova que fez a vistoria prévia in loco.

De acordo com informações do presidente do IHGC, Ribamar Amorim, prestadas ao blogdoacelio por ocasião da visita de um desses empresários, o local será preparado para ter um auditório com 200 lugares, uma biblioteca e um memorial onde serão expostos documentos e objetos que contam um pouco da história do município.

O Iphan já garantiu os recursos e agora cumprirá apenas as fases da execução do projeto. Após a conclusão, a administração da estação cultural será entregue ao Instituto Histórico e Geográfico do Codó.

5 comentários sobre “IPHAN e IHGC vão transformar estação ferroviária codoense em estação cultural”

  1. E como fica o projeto do Ministério dos Transportes, aquele que vai transformar em metrô de superficie Codó-Teresina,e que está aprovado pelo governo federal.
    Sera q vão construir outra estação ferroviaria.
    Aonde tá o gato na tuba?

  2. Essa sim é uma noticia muito boa, já estava na hora de olharmos a nossa historia, com essa estação cultural teremos sempre a estação para relembrarmos dos bons tempos.

Deixe um comentário