João Marcelo viabiliza recursos para o governo do prefeito eleito Francisco Nagib

O deputado federal João Marcelo Souza (PMDB-MA) cumpriu mais uma intensa agenda de trabalho nesta semana, em Brasília, quando recebeu prefeitas e prefeitos eleitos e reeleitos em 2 de outubro. Além destas reuniões, também participou de audiência no gabinete do ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho (PV).

Ricardo Torres, João Marcelo e Francisco Nagib
Ricardo Torres, João Marcelo e Francisco Nagib

“É muito importante a parceria com gestores municipais para ajudar a levar projetos e recursos visando melhorar a qualidade de vida da população. Por isto, converso com todos, buscando soluções e entendimentos a fim de viabilizar as demandas”, enfatizou João Marcelo.

Um dos resultados destas parcerias foi a destinação de R$ 50 milhões, em emendas da bancada federal do Maranhão, para a ampliação e melhoria do sistema de abastecimento de água de Codó, garantida após o peemedebista sensibilizar parlamentares maranhenses.

O prefeito eleito de Codó, Francisco Nagib, esteve com João Marcelo nesta quarta-feira. Depois, foram a uma audiência com o ministro Sarney Filho, quando Nagib solicitou apoio para solucionar o problema do lixão da cidade, que já exala gases tóxicos.

João Piquiá, prefeito reeleito de Sitio Novo, foi outro gestor que participou desta audiência no Ministério do Meio Ambiente, buscando a execução de um plano de conservação para despoluir o açude Brita do Exu e a erosão no Riacho da Barriguda.

Na agenda do deputado João Marcelo, também estão registradas esta semana reuniões de trabalho com o prefeito eleito de Imperatriz, Delegado Assis, a prefeita reeleita de Rosário, Irlahi Moraes; as prefeitas eleitas de Anaparus, professora Vanderly, e de Vitória do Mearim, Dídima Coêlho, o prefeito reeleito de Altamira do Maranhão, Ricardo Miranda, e os prefeitos eleitos de Formosa da Serra Negra, Dr Janes Clei, de Grajaú, o ex-deputado Mercial Arruda,  de Parnarama, Raimundo Silveira e de Carutapera, André Dourado.

Por Gilberto Léda

7 comentários sobre “João Marcelo viabiliza recursos para o governo do prefeito eleito Francisco Nagib”

  1. Na cidade de Bacabal os problemas de abastecimento de água são infinitamente maiores que os de Codó. Codó possui uma pequena rede de coleta de esgoto que não chega a 10% das residências, em Bacabal não existe rede de esgoto. Mudaram jocosamente o nome da cidade para “Buracabal”, de tanto buraco que existe nas ruas da cidade. Será que com tantos problemas urgentes para resolver na base eleitoral desse deputado, ele vai deixar de mandar recursos pra Bacabal para mandar prá Codó? acho que alguem está sendo enganado nessa história, a população de Codó ou de Bacabal.

  2. “”WILLIAM WALLACE””, NÃO HÁ ENGANO, NEM PARA OS CODOENSES E NEM PARA OS BACABALENSES. HÁ, ISSO É VERDADE, UMA “”NEGOCIAÇÃO”” ENTRE OS DEPUTADOS, QUE IRÃO DESTINAR PARTE DOS SEUS DIREITOS NAS EMENDAS INDIVIDUAIS, COM O PREFEITO ELEITO.
    RESUMINDO: O DEPUTADO, QUANDO ACEITA ENVIAR EMENDAS AO MUNICÍPIO O FAZ MEDIANTE GARANTIAS DE RECEBER A SUA PARTE DO VOLUME ENVIADO. QUERO DIZER, JAMAIS A CONTABILIDADE REAL SERÁ FECHADA. ENTÃO, O INÍCIO DO GOVERNO JÁ VEM “”EMENDADO””. PORQUE É ASSIM?? ESSE PORQUE EU DIREI APÓS ALGUNS COMENTÁRIOS SOBRE O ASSUNTO.

  3. Oh! Murilo Salem se conforme o seu Biné não cansa de perder. Ele tava doido para levantar às Empresas dele, mas não deu. Eu não sei que líder político é esse que nunca ganha. Virou freguês do Zito.

  4. Esqueceram do Procon

    Passem a bola para quem merece e é da área e sabe trabalhar mas hoje não tem autonomia pra desenvolver o trabalho.
    Tomé Mota merece a oportunidade de ter autonomia no procon. Batalhou muito pra isso.
    Ou o lado empresarial vai se sobrepor ao bem da população e vai fechar o procon igual o prefeito de Itapecuru mirim fez?
    Se é méritocracia e competência vamos ver o que fará com o procon!

Deixe um comentário