Junina Renascer do Sertão está pronta para brilhar no Arraiá da Mira

A ideia de criar a Junina RENASCER DO SERTÃO partiu de seu Chaguinha (Francisco das Chagas Queiroz) e amigos em 2009, desde então todos foram se aperfeiçoando até começar a surgir um grande  desejo, participar do Arraiá da Mira (TV Mirante da região Tocantina).

“Há vários anos eles cobravam, seu Chaguinha a gente não vai pro Arraiá da Mira, deixar que Deus vai abrir as portas e este ano deu tudo certo”, disse seu Chaguinha, no que foi completado pelo marcador da junina Thiago Almeida “O maior sonho dessa galera aqui é tá la dentro do Arraiá da Mira, que é um arraial de grande porte, um arraial mundial, pode se dizer”, disse

Para realizar o sonho de estar no Arraiá da Mira a junina Renascer do Sertão começou os ensaios bem cedo, em dezembro do ano passado.

 – Nós começamos em dezembro, começamos a treinar em dezembro e até hoje…POR QUE TÃO CEDO? Porque quanto mais praticar melhor fica –  explicou João Vitor Neves Campos

Pelo menos duas ou mais horas por noite de ensaios viraram rotina desde então, e para quem sente dificuldades em alguma coisa João Vitor, o coreógrafo da junina, providencia a solução imediatamente. “Tem aqueles que têm mais dificuldade, então eu reúno numa casa pra poder ensaiar até acertar o passe”, disse

Mas quem assiste aos treinamentos  ver  que todo mundo já entendeu a sequência da dança que também será intercalada com encenações por causa do tema escolhido – ALÉM DA SECA DO SERTÃO.

A rainha Kelly Ferreira, que esbanja simpatia,  solta um pouquinho do vem por aí.

 – Vai ter  uma história, tem o noivo, a noiva, tem a mãe, parece, a amiga, eles vão entrar e vão fazer tipo uma encenação…TEM A VER COM O TEMA? Tem, tudo a ver com o tema…PODEM ESPERAR UMA BOA APRESENTAÇÃO? Pode, pode esperar que vamos vir arrebentando – disse

No arraiá todos garantem que o público e os jurados sentirão o clima de ALÉM DA SECA DO SERTÃO em tudo e mensagem maior vai ficar.

A gente tem um casamento também fala um pouco da seca do sertão, as músicas, os banners, camisas, tudo tem a ver com a cerca do sertão, afirmou Thiago Almeida, marcador

Muita gente, muitas pessoas deixando suas casas por falta de água e a gente tá trabalhando isso aí pra mostrar pra nossa juventude que água é importante, preservar a água, trabalhando aí, vamos mostrar pra eles a importância da água e quanto prejudica o ser humano a seca”, completou seu Chaguinha

Deixe um comentário