Mamãe Neyde: Zito e Antonio Joaquim estudam nova proposta e Ricardinho pode salvar a pátria que nos pariu

Dr. Antonio Joaquim

O prazo dado por Dr. Antonio Joaquim, que seria 31 de dezembro de 2011, expirou e a Maternidade Mamãe Neyde continua funcionando sob o comando do governo de Zito Rolim.

O que houve? Antonio Joaquim recuou? Raspou o bigode antes de dar a palavra? Pensou mais um pouco e decidiu quenão valeria a pena lascar com dezenas de parturientes até que a Prefeitura, que não costuma prevenir-se mesmo sabendo do futuro, se virasse nos 30 para dar conta de um novo espaço para os partos que chegam a 350 por mês?

Ficou liso e repensou? Nenhuma das perguntas tem resposta sim, pessoal. Pelo menos neste primeiro momento.

NOVA PROPOSTA

O que rola longe dos holofotes da mídia das rádios e TVs é que Zito Rolim foi até o nosso ‘amigo de fé, irmão camarada’ e fez uma proposta daquelas. Pediu mais seis meses de aluguel.

Nosso ‘cabeça branca’ teria dado apenas mais 3 meses e a coisa anda ‘bem encaminhada’ nas palavras do homem de ferro do governo Cuidando de Nossa Gente, Ricardo Torres, secretário interino de Governo. Ele nos confirmou que houve sim a proposta, e nestes termos.

Como vai terminar, ainda não sabemos.

PEDINDO PINICO

Ainda não consigo entender quem está pedindo arrego, ou no nosso linguajar caboclo, pedindo pinico à quem – se Zito à Antonio Joaquim ou Antonio Joaquim à Zito. Quem é?

Zito e Cláudio Paz não se prepararam para fazer funcionar a maternidade noutro prédio, isto é fato. Por outro lado, Antonio Joaquim também perderia, com sua palavra a fio, uma boa renda mensal, e todo mundo precisa comer, não é verdade?

RICARDINHO, O SALVADOR

Ricardinho e Roseana Sarney

Rola nos bastidores desse impasse que Ricardinho Archer, suplente de deputado federal, seria o salvador da pátria mãe amada das futuras mamães de nossa Codó com aquela emenda de R$ 1.200.000,00.

Pelas especulações que chegam ao blogdoacelio, Zito quer mais tempo para poder receber a emenda de Ricardinho e aplicar o valor na adequação de uma nova maternidade.

Tomara que esta história termine em final feliz para nossas codoenses.

Deixe um comentário