MAPA DO PERIGO – JULHO fecha com 151 acidentes de trânsito e 1 morte

Já saiu o relatório do Hospital Geral Municipal de Codó sobre acidentes de trânsito relacionados ao mês de julho. Os dados que chegaram à imprensa esta semana são os seguintes:

Julho fechou com 151 acidentes e apenas uma morte ocorrida na BR-316 (área do município de Codó), próximo à Fábrica Nassau. Segundo relata, a vítima tinha 60 anos de idade  e morreu depois de um capotamento que resultou numa colisão com uma árvore.

O homem que morreu em julho  no trânsito de Codó era de Macaé, Estado do Rio de Janeiro, e se dirigia para São Luís –MA.

O dia de maior registro de ocorrência de trânsito continua sendo o DOMINGO. Mês passado, por exemplo, ele registrou 36 acidentes.

Os homens continuam sendo maioria (104 acidentados), 6 apresentaram sintomas de embriaguez, 4 pessoas foram transferidas para Coroatá e de todos os casos 38 chegaram ao pronto-socorro do HGM carregados pelo SAMU.

O horário mais perigoso, segundo o levantamento de julho, é o que fica entre às 12h01min e às 18h. Nada menos que 64 acidentes ocorreram neste horário dentro de Codó.

3 comentários sobre “MAPA DO PERIGO – JULHO fecha com 151 acidentes de trânsito e 1 morte”

  1. Acélio,
    Fora os acidentes e mortes que vão perdurar por muito tempo, agora o mais grave é que as motos são colocadas em cima das calçadas na Rua Afonso Pena, sem qualquer fiscalização, obrigando os pedestres a andar pelo meio da rua, arriscando-se a serem atropelados. Tu já viu duas árvores podadas na Pça da Bandeira por um dono de churrasquinho com a finalidade de colocar um telão?

  2. E AGORA ESTA FALTANDO O QUE AGENTES DE TRANSITO E PREFEITURA,O CONVENIO FOI ASSINADO FALTA O QUE AGORA PARA ALMENTAR A FISCALIZAÇÃO,OU É SO CONVERSA FIADA DIZER QUE VAI ARROCHA AGORA?, O POVO ESTA VOLTANDO A INFLIGIR AS REGRAS AQUELES QUE ESTAVAM OBEDECENDO JA NÃO ESTÃO MAIS,POR QUE NÃO ESTÃO VENDO UM ALMENTO NA FISCALIZÇÃO PELO CONTRARIO PARECE ATE QUE FEZ FOI DIMINUIR,O POVO SOFRE ENQUANTO ISSO,AGENTES DE TRANSITO DENUCIEM NA IMPRESSA POR QUE VOÇES NÃO ESTÃO MULTANDO AINDA.

  3. Acélio,
    Fora os acidentes e mortes que vão perdurar por muito tempo, agora o mais grave é que as motos são colocadas em cima das calçadas na Rua Afonso Pena, sem qualquer fiscalização, obrigando os pedestres a andar pelo meio da rua, arriscando-se a serem atropelados. Tu já viu duas árvores podadas na Pça da Bandeira por um dono de churrasquinho com a finalidade de colocar um telão? As arvores na verdade foram cortadas, um absurdo. Onde estao PREFEITUFA E MINISTERIO PUBLICO..?

Deixe um comentário