Menos codoenses se inscreveram para a prova do ENEM 2012

Na escola Mata Roma

Muita gente chegou cedo nas 13 escolas de Codó onde o primeiro dia de teste ocorreu. Na Senador Archer, logo na entrada  a preocupação era com os celulares. O professor Ronaldo Trindade orientava à todos que desligassem, pois uma vez, ao menos, vibrando em sala o dono seria retirado e perderia o teste.

Os corredores ficaram movimentados. Quem veio  pela segunda vez fazer a prova, como Adelon Albuquerque, demonstrava tranquilidade na espera para entrar na sala.

 “A pessoa vem mais tranquila, tem certa confiança mais pra fazer, já sabe como é o sistema já”, disse

PROBLEMAS

Quem chegou cedo pôde evitar problemas que surgiram na hora de conferir a documentação exigida e não foram poucos, segundo a coordenadora do Enem em Codó, professora Rosina Benvindo.

 “Alguns alunos que não constam na lista, mas o cartão de confirmação diz que ele faz naquela escola, outros que o número  de identidade não bate com o que tá no cartão resposta, mas esses problemas são solucionados, agora não trazendo o documento de identificação não tem como fazer”, afirmou a coordenadora

PERDAS

Ao meio dia, horário local, os portões se fecharam e alguns estudantes, infelizmente, perderam a oportunidade do Enem 2012 por causa de atraso.

Para a coordenação, apesar de algumas dificuldades, o primeiro dia foi considerado tranquilo e dos 3.397 inscritos, acredita-se que menos de 10% não farão o exame.

Este ano o município teve menos inscritos que em 2011, quando cerca de 4.700 fizeram parte do cadastro de inscrição do Governo Federal.

Um comentário sobre “Menos codoenses se inscreveram para a prova do ENEM 2012”

Deixe uma resposta