MP pede adiamento de Júri de policial militar acusado de matar timbirense

O Ministério Público pediu hoje, 19, o adiamento do Júri Popular do policial militar, José Pereira Damasceno, que estava marcado para a próxima quarta-feira, 21.

De acordo com informações prestadas ao blogdoacelio pelo advogado do réu, Dr. Benedito Duailibe, o promotor de Justiça de Timbiras, Edilson Santana, onde o júri aconteceria, foi quem pediu o adiamento para 4 de outubro. O MPE entendeu que existe uma testemunha-chave que precisa ser ouvida.

Com o adiamento o promotor espera encontra-la para que esta colabore na elucidação dos fatos frente aos jurados.

Dasmasceno é acusado de ter matado José Raimundo de Magalhães Costa, de 27 anos, no dia 1º de fevereiro de 2009, em Timbiras. O PM responde ao processo em liberdade e, atualmente, encontra-se trabalhando na cidade de Codó.

3 comentários sobre “MP pede adiamento de Júri de policial militar acusado de matar timbirense”

  1. nos da cidade so esperamos q tenha justiça poi ja conhecendo noso pais.sabesi q hoje em dia manda qem pode. pois sofremos junto com a familhia q sofre pela perda de um menbo.

Deixe um comentário