Perigo: Trânsito de Timbiras desrespeita o Código de Trânsito Brasileiro

A liberdade no trânsito de Timbiras é, praticamente, plena. O mais difícil na cidade é registrar motociclistas usando capacete, tão quanto encontrar alguém habilitado. Já faz bastante tempo que o lavrador Edivaldo de Lima possui sua moto, o mesmo tempo em que pilota sem a permissão da lei.

“Tá mais ou menos com oito anos…NUNCA TIROU A CARTEIRA? Não..POR QUÊ? Falta de oportunidade”, respondeu

FISCALIZAÇÃO FRACA

O município não possui agentes de trânsito, apenas planos para a implantação do serviço, mas isso ainda não tem data. A PM garantiu que faz blitz, e a população confirma isso, mas a regularidade é questionada pelos próprios condutores. Poucas pessoas temem estas ações de fiscalização.

Diante da realidade, Francisco Araújo, que trabalha como entregador, revela como o trânsito é tratado na cidade e como os condutores se sentem.

“aqui não, aqui não é preciso usar capacete, habilitação, não é preciso, acho que a lei não é rigorosa com nossa cidade, né,, nunca pedem pra gente. As vezes fazem uma blitz aí naquele exato momento ali a gente passa a usar capacete documentação, quando termina a blitz, o cara fica normal”, disse

MEDO NAS RUAS

Com tanta gente pilotando a vontade assim, todo cuidado é pouco. Por isso dona Sandra Xavier só atravessa rua bem apressada. Tem medo de ser vítima de acidente

tem muita festa, aí o pessoal bebe e vai dirigir (…) eu só ando aqui na rua é correndo, de bicicleta eu tenho medo demais..DE QUE? De moto de carro, de pegar ‘barroada’”, afirmou

Muito embora quem faça uso de motocicletas não demonstre qualquer objeção à forma como o trânsito flui na cidade, há quem gostaria de vê-lo organizado. Seu Manoel Nunes da Silva, aposentado, pensa que seria bem melhor e esta mudança é urgente.

“com certeza tem que melhorar, acidente aqui é quase todo dia tem que ser é fiscalizado, andar de capacete, diminuir a velocidade porque aqui é um absurdo”, frisou

Deixe um comentário