Prefeitura de Codó e Plan lançam projeto Novos Quilombos em parceria com União Européia

Abertura oficial
Abertura oficial

A prefeitura de Codó e a ONG Plan Internacional realizaram neste último domingo (28) o lançamento oficial do projeto Novos Quilombos, que irá beneficiar três comunidades quilombolas da zona rural de Codó. Moradores de diversas localidades foram até o povoado de Santo Antônio dos Pretos para prestigiarem a festa de lançamento.

Autoridades municipais, representantes das associações comunitárias e da sociedade civil organizada compareceram à cerimônia de lançamento. Compondo a mesa de honra estavam presentes o Prefeito Municipal de Codó, Zito Rolim, o Secretário Municipal de Governo, Ricardo Torres, o Secretário Municipal de Cultura e Igualdade Racial, Augusto Serra, o Secretário Municipal de Agricultura, Cordeiro Oliveira, além dos presidentes das associações das comunidades quilombolas, Francisco Carlos e Raimundo Ubirajara. Representando a ong Plan Internacional estava presente a Assessora de Gênero e Segurança Econômica, Célia Bonilha.

Em 2012, por meio de edital lançado pela União Europeia, a Prefeitura Municipal de Codó venceu o concurso, realizado entre estados e municípios de toda a federação, no qual receberia recursos para um projeto que levasse desenvolvimento autossustentável as comunidades quilombola localizadas em sua zona rural.

Público
Público

Moradores quilombolas de Santo Antônio dos Pretos, Barro Vermelho e Centro do Expedito, localidades contempladas no convênio, assistiram atentos a vídeos e palestras explicativas sobre a implantação do projeto e os benefícios que serão levados as comunidades ao longo de três anos. Apresentações religiosas e culturais de origem afro-brasileira também estavam na programação do evento.

Em uma explanação mais detalhada sobre o trabalho a ser realizado na região, o Secretário Municipal de Agricultura, Cordeiro Oliveira, esclareceu que o principal objetivo do projeto era a ampliação da produtividade agrícola das famílias, sua participação no mercado local e a redução da pobreza e da exclusão social das comunidades.

O secretário explicou que os investimentos prevêem maquinários para a construção de açudes, equipamentos de irrigação e treinamento especializado para o desempenho correto e em escala comercial da produção agrícola local.

Novos Quilombos: Resistência e fé

Prefeito Zito, presente
Prefeito Zito, presente

Em suas palavras, proferidas aos convidados de diversas comunidades da região, o Secretário Municipal de Governo, Ricardo Torres, conseguiu sintetizar a essência do projeto Novos Quilombos em duas palavras: Resistência e fé. Fazendo uma apropriada analogia entre os sentimentos que moveram os primeiros habitantes do centenário quilombo da zona rural de Codó e o projeto que poderá renovar a vida de seus remanescentes, o secretário disse que o segredo do sucesso da implantação do Novos Quilombos residia na capacidade de resistência e na força da fé das comunidades de Barro Vermelho, Centro do Expedito e Santo Antônio dos Pretos.

Os primeiros habitantes que aqui chegaram vieram fugindo da escravidão, da opressão. Chegaram ao Barro Vermelho, Centro do Expedito, Matões dos Moreiras, Santo Antônio dos Pretos e tantas outras comunidades aqui vizinhas, formando focos da mais absoluta resistência. O Projeto Novos Quilombos nasce, principalmente, da fé. Da fé, desde sempre, dedicada a coragem. A Fé da coordenação da Plan Internacional. A fé da dedicação do Prefeito Zito Rolim e de seus secretários, que acreditaram quando a União Européia lançou o edital.”

Foto - Nilton Messias (Asscom)
Foto – Nilton Messias (Asscom)

O secretário ainda explicou detalhes sobre a publicação do edital e o redirecionamento do projeto para o empreendedorismo agrícola nas localidades quilombolas da zona rural. De acordo com Ricardo Torres, a proposta foi elaborada com técnicos da Plan, Técnicos da Secretaria de Agricultura e o auxílio da Secretaria de Cultura e do IFMA.

“A Prefeitura de Codó, juntamente com essas instituições e as comunidades locais fizeram com que o Novos Quilombos fosse o único projeto em 2012 a celebrar contrato com a União Européia para aplicação de recursos nessas comunidades. A partir desse momento, o que era sonho virou realidade. Começamos a enxergar aquilo que só imaginávamos. O projeto é agrícola. Um meio de resistência. Resistência a seca, resistência as dificuldades. Com esse projeto, pretendemos que a famílias produzam o ano inteiro, todo o ano” Explicou o secretário.

Para o prefeito de Codó, Zito Rolim, mais do que investir e ensinar a produzir, a administração municipal e o projeto Novos Quilombos, irão garantir a absorção do que for produzido nas comunidades quilombolas.

Cultura afro em terras de quilombo
Cultura afro em terras de quilombo

“Eu aqui me sinto em casa, e os meus amigos daqui podem observar o quanto o governo vem se empenhando, mesmo com as dificuldades, em melhorar as condições de vida das comunidades. E nada melhor do começarmos a mudar por meio de investimentos na produção agrícola das famílias das localidades que compõe essa região. Se produzir é difícil, mais difícil ainda é ganhar o mercado para o que produzimos. Mas em nosso município o mercado é garantido. Por meio de PAA e do PENAE, que garante a compra do produtor familiar local, poderemos absorver a produção gerada pelo projeto Novos Quilombos”. Garantiu.

Satisfeito com a organização do lançamento do projeto e com o entusiasmo das comunidades envolvidas, Zito Rolim se despediu de forma bem esperançosa em Santo Antônio dos Pretos.

“Iremos viver um momento inédito em nosso estado e em nosso município, com importantes investimentos da União Européia que serão revestidos em geração de renda e bem estar para as comunidades quilombolas. Governar é criar oportunidade para o produtor. Temos orgulho de podermos administrar um município tão adimplente a ponto de conseguir tão importante convênio. Quero parabenizar a equipe da PLAN, por seu excelente trabalho realizado aqui, o empenho de nossos secretários municipais envolvidos no projeto e todos os presentes nessa oportunidade, que vieram assistir e prestigiar o lançamento do projeto Novos Quilombos”.

Raphael Fernandes – Assessoria de Comunicação Governo Municipal de Codó 

5 comentários sobre “Prefeitura de Codó e Plan lançam projeto Novos Quilombos em parceria com União Européia”

    1. Esse comentário deve ser de algum aproveitador que queria se dar bem em cima dos projetos que a Plan faz e não conseguiu. algumas pessoas se aproximam desses projetos por que querem dinheiro e alguns ficam frustrados com a rigorosidade de aplicação de recursos da Plan Internacional. essas pessoas são acostumadas a ganhar a vida em cima dos benefícios do governo federal. são as chamadas pseudos lideranças políticas.

  1. QUANTO VAI CUSTAR ESSE PROJETO PARA OS CODOENSES?
    COMO SERA APLICADO? COMO SERA SEU GERENCIAMENTO?
    JA VI ISSO ANTES ;QUEM NAO LEMBRA DA FAMIGERADA ADRA? SEU PROJETO NO MONTE VIDEL? AGORA E DIFERENTE O CODOENSE TA MAIS ESPERTO MAIS EXIGENTE; FVOU FICAR DE OLHO; VAMOS EXIGIR AS PRESTAÇOES DE CONTAS.VC TA CERTO ALAMO.

  2. ESSA PLAN E MUITO PARECIDA COM A ANTIGA ADRA; MUITA ZUADA ; POUCO OU QUASE NADA DE PRATICO; AGORA CARROES; LUXO E PRIVILEGIOS ISSO TEM MUITO POR LA

  3. Alamo, Rosimeire e Alfredo, as suas opiniões a respeito da PLAN são no mínimo suspeita e de gente despeitada ou inconsciente. Comparar a PLAN com a ADRA é digno de quem não conhece e não acompanha o serviço que a PLAN internacional tem prestado na nossa região.

Deixe um comentário