Promotor de Justiça cobra fiscalização do trânsito em Codó

O Ministério Público de Codó convocou uma reunião com autoridades locais para buscar soluções em relação ao trânsito do município. O promotor de justiça, Dr. Gilberto Câmara França Junior, buscou resolver problemas emergenciais, cobrando providências das autoridades em relação à falta de fiscalização no trânsito.

De acordo com o promotor, a falta de fiscalização por parte dos agentes de trânsito está permitindo a presença de veículos de grande porte estacionados nas ruas, atrapalhando a passagem de outros veículos. Outra preocupação é a grande a incidência de pessoas dirigindo carros e motos sem habilitação.

“Essa reunião foi convocada por iniciativa dos promotores do Ministério Publico aqui do município, pois nós temos observado nos últimos tempos que houve um afrouxamento por parte dos agentes fiscalizadores. Nós convocamos as autoridades municipais e estaduais para sabermos as causas desta distensão na fiscalização”

O vereador João de Deus, presente na reunião, avaliou como positiva a iniciativa do MP. “Nós estamos todos aqui, poder executivo, legislativo, representantes do trânsito a Polícia Militar, para buscar uma fiscalização mais efetiva no trânsito de nossa cidade, visando a proteção da vida de nossos munícipes e visitantes” observou o parlamentar.

Devido ausência de fiscais nas ruas, as reclamações mais freqüentes da população falam sobre os acidentes de trânsito com vítimas fatais e as violações às leis de trânsito praticadas todos os dias pela grande maioria de condutores despreparados e ilegais.

Fonte: portalfc.com

4 comentários sobre “Promotor de Justiça cobra fiscalização do trânsito em Codó”

  1. gostaria apenas que o ministerio publico chamasse os agente de transitos, para que eles poudesse se explicar perante a promotoria de quem é o problema.
    acho que os problemas realmente e da administracao,
    os agentes nao tem blocos de autuacao
    nao tem um quinxho, se quer tem um carro, para efetuar a fiscalizacao.

  2. será que ele falou isso só porque queria passar e um caminhão tava na frente e não deu para ele passar? se isso não tivesse acontecido teria feito???????

  3. temos que averiguar essas denuncias isso e muito grave.
    ENQUANTO ISSO O POVO MORRE, E MOTOS ESTAO SENDO ROUBADA, NEM TEM FISCALIZACAO, autoridades do transito, é direito de todos um transito organizado, e dever de quem paga seus impostos.
    o culpado nao sao os agentes nao, e sim adiministracao, em nao dar condicoes de trabalho.
    só quem nao gosta de organizacao, sao os bandidos,e os infratores da lei.
    mais que é da lei, gosta de ordem e progresso, mesmo que pra isso se use a força da lei.

    1. concordo com os promotores de justiça em chamar as autoridade do transito, só falharam quando chama as pessoas que nao sofrem nenhum desreipeito nas ruas de nosso municipio.
      os promotores estao corretos, mais é preciso chamar quem vivencia as situacoes nas ruas, eles agentes sofre mais com tudo isso,
      um dia vi um grande problema emfrente a Saae, um agente pediu que o cidadao tirasse seu carro de local que era proibido estacionar, e o condutor saiu irritado, e mandou que o agente tirasse o carro na cabeça, o mesmo envergonhado nao podia multar, pediu o reforço da policia atraves de ligacao , e a mesma nao veio e o agente ficou desmoralizado na frente de todos, graças a Deus que no momento da confunsao,ia passando uma carro particular e dentro deste carro ia tres OFICIAS DA POLICIA MILITAR, tres tenentes i ai resolveram a situacao.
      mais se dependesse da ligacao que o agente fez, poderia ate o mesmo ter apanhado na rua e ninguem ia seguer tomar conhecimento.
      pq existe esta logica que sempre a populacao estar a cima de tudo,olhas senhores promotores, existem tantas coisas que os senhores precisa saber chame os agentes de transito pra eles lhes conte o que eles passa nas ruas de codo.

      ai sim o senhor vai saber da verdade, eles tem foto das irregularidades, filmagem de ate mesmo de agreçoes, por parte da populacao, e nao pode se quer aplicar o que diz o Codigo de Transito Brasileiro.

Deixe uma resposta