Resolução garante Arnaldo Melo governador por 30 dias caso Roseana renuncie

A Assembleia Legislativa votou e aprovou Resolução Legislativa determinando a posse do Presidente da ALEMA, Arnaldo Melo no comando do executivo por 30 dias, em caso da renúncia da governadora Roseana Sarney.
O texto do Projeto de Resolução do deputado Edilásio Junior sofreu modificação estrutural. As eleições indiretas ao invés de procedidas em “até 30 dias”- neste caso no mesmo dia poderia eleger-se o novo governador, foram fixadas para depois de 30 dias.
A reformulação evita a arguição de inconstitucionalidade, posto que a Constituição Federal preceitua em caso de vacância do executivo, o prazo de 30 dias para eleição de governador/vice-governador e senta Arnaldo Melo na cadeira de governador do Maranhão. Agora fica a pergunta : A Resolução Legislativa que trata das eleições indiretas engessou ou destravou as negociações entre a Assembleia Legislativa e o Palácio dos Leões? Acho que travou de uma vez por todas a possibilidade de renúncia da Sarney.
Arnaldo Melo governador por 30 dias fica de que lado? Ele vai olhar pelo retrovisor(passado sarneista), pelos espelhos laterais(como secretário de Jackson Lago e José Reinaldo) ou para frente com a possibilidade de Flávio Dino governador?

Deixe uma resposta