Seleção Brasileira Master em Codó – Sucesso ou fiasco total?

Tem chegado aos montes reclamação ao blog sobre a apresentação da Seleção Brasileira Master na noite de sexta-feira, 10. As afirmações são de que teria sido um fiasco. Cético que sou procurei me informar com repórteres esportivos que cobriram o evento para sentir o que tinha de verdade em tanta reclamação.

  1. Os times entraram com uniformes da mesma cor, o que acabaria com qualquer narrador. Ainda bem que ninguém transmitiu o histórico jogo. (Essa procede, pra diferenciar segundo os repórteres, deram um colete “verde”, salvo engano, para a seleção codoense)
  2. O ingresso foi caro, R$ 10,00, o que fez o público ficar pequeno diante de nossas arquibancadas (O mais otimista repórter que achei chutou ‘UMAS 400 PESSOAS OU MAIS presentes, o estádio lota com 5 ou seis mil).
  3. A bilheteria e o número de pagantes não foram divulgados. Certo colega ao tentar saber quanto havia sido o montante ouviu da mulher de um dos organizadores – QUEM QUER SABER? Sou eu, da emissora tal, teria respondido… a mulher continuou – HUUUM! ah meu filho isso aqui foi um fiasco, gastamos uns R$ 7 mil com passagens dos jogadores e tudo e não fizemos a metade.

Neste item, os repórteres esportivos codoenses acham que houve exagero por parte da tal mulher, uma vez que, ainda que pequeno o público, o arrecadado com a venda de ingressos foi compensado com 50% do que valia a festa esportiva bancado pelo governo de Nossa Gente.

  1. O time anunciado pela imprensa veio desfalcado. Decepcionados muita gente abandonou o Renè Bayma após o primeiro tempo.

Esta, em parte, também procede, segundo os colegas, tem tanto rumo tanto que a seleção Brasileira Master jogou com nosso querido professor Arizinho, isso mesmo da Escolinha Marcos Pimentel e com um goleiro de Bacabal chamado Claudecir. Muller, Djair e Djalminha não apareceram.

Vieram Ezequiel, Diney (autor de 4 gols contra Codó), Pavão, Elivelton (2 gols), André Cruz e Dadí, Vitor também mas não jogou.

A partida terminou em 6 a dois. Marcaram pra nós Fernando e Riba Ceará. De qualquer forma acho que valeu pela festa.

14 comentários sobre “Seleção Brasileira Master em Codó – Sucesso ou fiasco total?”

  1. Bom mesmo era o DANDA e a JULIETA,que nao trouxeram porra nenhuma e em 04 anos demitiram mais de 30 funcionarios.Aqui quando se traz o povo reclama,quando nao traz reclama tambem.Mereço alguns babacas???????????

  2. Aposto se outro prefeito faz o que o Zito tem feito pelo futebol local,um investimento pesado no esporte codoense.Qual desses pre-candidatos tem proposta concreta para com o esporte??????

  3. Na Seleção Brasileira está faltando Thiago Neves, Ganço ainda não está
    pronto para a Seleção.
    Pato joga bem no time da Italia, na seleção deixa a dejesar,quando não
    está na Banheira não sabe finalizar as jogadas

Deixe um comentário