Teatro Raízes prepara peça que contará vida e obra de JOÃO DO VALE

O TEATRO RAÍZES, projeto social do BOI RAÍZES DO MARANHÃO que ensina teatro na região dos Cocais, já está preparando um novo projeto para apresentá-lo no Estado.

O VOO DO CARCARÁ está sendo ensaiada pelo Teatro Raízes
O VOO DO CARCARÁ está sendo ensaiada pelo Teatro Raízes

Vai se chamar ‘ O CANTO DO CARCARÁ: Uma História de Vida’, uma peça teatral dedicada a contar a vida de um dos maiores artistas maranhenses de todos os tempos, o pedreirense JOÃO DO VALE.

-Uma história de vida sob a direção do professor Renan Ferreira, a mesma, segundo o grupo, tem lançamento marcado para o final de outubro- explicou a presidente do Raízes do Maranhão

O Teatro Raízes já desenvolveu também a peça MONÓLOGO DAS MÃOS, sucesso de público por onde passou.

Também está em andamento o projeto RESGATANDO O BUMBA MEU BOI NA REGIÃO DOS COCAIS que já pôs em atividade o boi Brilho da Lua  em Timbiras (sotaque de Zabumba) e o boi Encanto, na cidade de Coroatá.

3 comentários sobre “Teatro Raízes prepara peça que contará vida e obra de JOÃO DO VALE”

  1. Sinto-me honrada em fazer parte desse projeto grandioso…Teatro é vida…essa arte é rica e envolvente..através do teatro podemos ser o que quisermos…estamos sendo agraciados com este lindo projeto..Codó está de parabéns..estamos nos empenhando nas aulas do professor Rênan Ferreira..ator reconhecido em São Luis que vem a cada quinze dias mediar esse processo…João do Vale foi um grande artista maranhense e poucos conhecem a sua obra..estamos encantados..esperamos agradar o público em.outubro e conseguir passar um pouco daquilo que João do Vale representa para nossa cultura popular maranhense…não podemos esquecer que tudo isso está sendo apoiado.pelo Ministério da Justiça…somos todos gratos!!

  2. Maravilha sinto me orgulhosa de poder realizar esse trabalho no município de Codó, no início tudo parecia um sonho bem distante hoje é real , agradeço a todos que compõem essa equipe maravilhosa e em particular o grande parceiro que é o ministério da Justiça.

Deixe um comentário