Tuberculose continua matando, mas diminui o número de casos em Codó

Os casos de tuberculose estão diminuindo gradativamente a cada ano. Pelo menos é o que mostra a estatística da coordenadora de combate à doença em Codó, Delcina Filgueira.

Segundo ela, com quem o blog do Acélio esteve na praça Ferreira Bayma, Codó que, em anos anteriores já chegou à mais de 70 tuberculosos ano, em 2010 registrou apenas 44 casos. Filgueira afirmou que houve mortes, mas não revelou quantas. Estas foram ocasionadas por abandono de tratamento.

Já agora em 2011, o serviço tem em seus quadros 16 pessoas em tratamento contra a doença. O trabalho que vem mudando o cenário, segundo a coordenadora, é chamado de busca ativa, ou seja, aquele onde os profissionais de saúde vão em busca de localizar e incluir no programa de tratamento pessoas sintomáticas ou mesmo assintomáticas.

O município oferece medicação e acompanhamento médico para quem deseja se curar.

Deixe uma resposta