Vendedora de perfume é presa com crack

Izalene, Fábio e Edivaldo

Foram presos no bairro dos Americanos, Corotá, a vendedora de perfume , Izalene Gomes da Conceição, de 37 anos, grávida de cinco meses, o namorado dela, Edivaldo Cardoso de Oliveira Junior, de 18 anos, e Fábio Rodrigues.

O delegado de Coroatá, Reno Cavalcante, informou que todos estavam sendo monitorados há meses. Ele pediu o mandado de busca e apreensão e, no momento certo, entrou com sua equipe na casa de Izalene,na rua do Sol, 502-B.

Lá estavam 42 pedras de crack já prontas para a venda à R$ 10,00 cada, e outra quantidade ainda por preparar. Além disso, dinheiro R$ 140,00, possivelmente, produto da venda.

“As provas são contundentes e robustas, os três foram indiciados pelo crime de entorpercentes…Eles já vinham praticando esse crime aqui na cidade de Coroatá, inclusive a Izalene já foi presa e autuada pelo crime de entorpecente”, disse o delegado

A Polícia Civil tem fechado o cerco contra os traficantes. Este ano esta já é a quinta apreensão. Todas as operações, na opinião da polícia, teem obtido resultado positivo.

De acordo com o delegado da cidade algo em torno de 400 pedras de crack foram tiradas do tráfico nestas apreensões. Ele também falou de uma mudança de comércio notada entre os traficantes de Coroatá.

“Principalmente o crack, hoje você não ver mais a maconha. O que está em evidência, infelizmente, é esta droga com alto poder destrutivo”, afirmou

Deixe um comentário