Vereador Gracinaldo denuncia abuso dos preços nas bombas de Codó

Na Sessão da Câmara Municipal de Codó do dia 23 de fevereiro, a última do mês, o Vereador Gracinaldo (PSL) abordou três importantes assuntos. Em seu espaço na tribuna, Gracinaldo iniciou seu discurso parabenizando o colega de parlamento, Vereador Pastor Max (PT do B) pelo seu aniversário.

Vereador Gracinaldo Ferreira
Vereador Gracinaldo Ferreira

Quero desejar aqui muito anos de vida a esse homem de ferro, esse pai de família, esse irmão e grande parceiro do povo. Que Deus continue abençoando cada vez mais, e que seja próspero teu caminho e teu Ministério”, felicitou.

Gracinaldo ressaltou o indefectível apoio do prefeito de Codó, Zito Rolim, aos retiros evangélicos, que são realizados durante o período do carnaval. “Agradeço ao nosso prefeito pelo grande apoio dado a comunidade evangélica, e também a todas as igrejas de denominação evangélica e não evangélicas. Todas as congregações foram muito bem assistidas por ele, mesmo que alguns tenham falado que a ajuda não viria. Mas como todos os anos, o prefeito fez valer seu compromisso”.

Violência e descaso

O vereador abordou os altos índices da violência na cidade e a impotência da policia investigativa (policia civil) diante dos inúmeros casos. Gracinaldo se reportou especificamente a um crime ocorrido no último sábado, na Travessa do Sol, Codó Novo, onde um trabalhador da localidade Cangubar foi alvejado com três tiros. “Já são vários casos sem resposta, sem solução e seus familiares não conseguiram nem mesmo registrar o boletim de ocorrência, em um momento tão crítico”, comentou. O edil ainda informou que familiares desistiram de registrar o B.O por falta de atendimento na Delegacia.

Abuso dos preços nas bombas de Codó

O Parlamentar encerrou seu discurso denunciando e repudiando o abuso praticado pelos proprietários de postos de combustível em Codó, condenando os altos preços e recomendando que o Ministério Publico acione judicialmente os postos de Codó, assim como fizera com os da capital São Luís. “Hoje um posto a 35Km da cidade, na BR 316, vende a gasolina a R$ 3,09, e aqui na cidade é R$ 3,39; R$ 3,40 e R$ 3,42”, finalizou o vereador.

Ascom.

6 comentários sobre “Vereador Gracinaldo denuncia abuso dos preços nas bombas de Codó”

  1. Eh muito cômodo denunciar as coisa do setor privado. Por que vc não cobra melhores escolas e melhor saúde????, hipocrisia essa sua vereador,
    vá comprar gasolina há 35km, a 3,09 pra vc ver se não sai mais caro kkkkkkkkkkkk.

  2. esse vereador so pensa nele ganha mas de qatro mil reais ainda tem a cara de reclamar preço de gasolina ele tem ki olhar e pos pobres ki precisam de mais escolas.

  3. Nunca vi esse vereador lutar pelas perdas do salário defasado dos funcionários municipais, que estão sem reposição salarial desde o ano 2010. Já for 05 anos que o funcionários são massacrado.
    Você sabe o que é um nível superior ganhar RS 1.200 fixo durante 6 anos.
    Tudo aumentou.
    Vereador reclama aí do prefeito, apresenta um projeto, reunião, para pedir só a reposição das perdas dos salarios.

Deixe um comentário